Alt-J em Lisboa

 06 janeiro 2018
 Altice Arena
  Marika Hackman

2018 ainda mal começou e já se prepara para dar cartas. Já era de conhecimento prévio que este será um ano repleto de grandes concertos, especialmente no que toca a artistas em salas fechadas, como são os casos de Bob Dylan, Arcade Fire, Roger Waters ou LCD Soundsystem. A grande procura, por parte do público português, de concertos e festivais está a levar a que as promotoras invistam cada vez mais e mais em trazer os artistas prediletos de Portugal e, pelo andar da carruagem, esta procura está para ficar.

Para dar o arranque à agenda de concertos deste nov(íssim)o ano, tem-se um concerto que tanto de regresso como de estreia: os alt-J, tripleto britânico de indie rock experimental, regressam novamente a Portugal, mas a sua primeira em nome próprio, “estreando-se” logo na maior sala de concertos no nosso país: a MEO Altice Arena. A premissa será o terceiro disco de originais, o brilhante Relaxer, álbum que figurou algumas das listas de melhores do ano de 2017, juntamente com um espetáculo próprio para a apresentação do seu mais recente trabalho, cujos efeitos de luzes prometem deixar ninguém indiferente.

Detentores de um dos melhores discos de estreia em memória recente, o premiado An Awesome Wave, o tripleto formado por Joe Newman, Thom Sonny Green e Gus Unger-Hamilton tem vindo a provar que as maravilhas do seu trabalho não são simples obras do acaso, com os seus discos a reinventarem-se por completo e a percorrem caminhos dos rock nunca antes atingidos, consolidando os alt-J como uma das bandas mais inovadoras dos últimos tempos. Aliás, a forma como a banda de Leeds consegue criar músicas tão singulares mas sem nunca deixarem uma sensação de disparidade ao longo de cada disco, tem sido um dos pontos mais aplaudidos pela crítica para com a banda.

Depois de uma estreia algo de tímida em 2012 no Milhões de Festa, a banda fez uma dose tripla no NOS Alive, tanto no Palco Heineken em 2013 (aqui em quarteto) como no palco NOS em 2015 e 2017, sempre com material novo para presentear o público português. Agora, seis anos depois, chegou finalmente a altura de os fãs de alt-J terem um concerto exclusivo da banda. Apesar de Relaxer ser o grande mote do concerto do próximo sábado, de certeza que os anteriores discos não serão esquecidos, prevendo-se uma noite (quase) em jeito de best-of, capaz de fazer as delícias da enorme legião de fãs dos alt-J em Portugal, ou não se tivessem eles tornado num dos maiores fenômenos britânicos por terras lusitanas.

Próximos Eventos

  Casa da Música
  Campo Pequeno
  Musicbox Lisboa
  Super Bock Arena
  Campo Pequeno
  Coliseu Porto Ageas

Descobre o teu festival

Upa!